Siga-nos nas redes

campanha

Cópia, plágio ou falta de criatividade?

Existem coincidências que nos deixam sem saber se é uma cópia, plágio ou falta de criatividade.

tv, anuncio, propaganda, falta de criatividade

Desde o início do mês, uma polêmica no mercado publicitário português sobre um possível plágio já deu muito que falar.

A operadora de celular Optimus lançou um anúncio de tv muito parecido com um sucesso da publicitário de 2010 da cervejeira americana Budweiser.

No mínimo estranho, visto que o anúncio não passará fora do país.

Tanto a Optimus como a Budweiser usaram uma música que facilmente fica nos nossos ouvidos, nada mais nada menos que, a famosa música para crianças dos Beatles “All Together Now”

Anúncio Optimus

Anúncio “parecido” da Budweiser

no final das contas o que acharam?

Deixamos aqui outro exemplo com bastantes “semelhanças” : LINK

Continue lendo
Publicidade
7 Comentários

7 Comments

  1. Unknown

    07/12/2011 em 17:23

    E a Nextel também fez a campanha dela com a mesma música e conceito parecido com estes 2 vídeos…complicado!

  2. Anônimo

    26/11/2011 em 21:28

    Não considero plágio. Os anúncios são completamente diferentes. Apenas a música é a mesma. E essa é dos Beatles. A NIKE tem um anúncio aos Playoff da NBA com a mesma música. Parece-me mais um anti-optimusismo da parte de quem comenta e acusa por toda a internet, do que bom senso analítico.

  3. Anônimo

    21/11/2011 em 16:48

    Plágio nunca, mera coincidência.
    Como aqui:
    http://www.youtube.com/watch?v=pia4ri7kjuo

    (mesma marca e mesma agência, já agora)

  4. Fabiano

    16/11/2011 em 00:33

    Voto em plágio tbm

  5. João Moura

    15/11/2011 em 22:14

    Não vejo necessariamente um plágio. É natural que, tomando por opção inicial a mesma música, as ideias possam convergir para algo parecido. Eu diria que as situações que são bastante semelhantes entre as duas publicidades devem-se principalmente ao facto de terem feito uma ilustração literal da música.

    Em relação ao uso de uma língua estrangeira, enfim… isso já é habitual em muitas situações em todos os países, até porque existe uma necessidade de fazer com que o que esteja a ser cantado não seja directamente interpretado, porque torna-se difícil arranjar uma música que não tende para o piroso na cabeça das pessoas…

    Resumindo, pode ser plágio mas pode muito bem não ser… Pode ser piroso o inglês mas também pode não o ser…

    (eu não gosto muito do anuncio da optimus)

  6. Anônimo

    15/11/2011 em 10:00

    Plágio sem dúvida nenhuma;

    Mas da optimus já nao se espera outra coisa, é bronca atrás de bronca!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade
.